Você está aqui: Página Inicial Atas 2014 Abril

Abril

Aos vinte e dois dias do mês de abril de dois mil e quatorze, reuniram-se na sala 221 do campus provisório os professores Maria do Socorro Fernandes de Carvalho (coordenadora), Sueli Salles Fidalgo (vice-coordenadora), Fernanda Miranda da Cruz, Leila Aguiar, Francine Ricieri Fernandes Weiss, Renata Philippov, Paulo Eduardo Ramos, Lígia Ferreira. Ausentes justificados: Sandro Luis Silva, Álvaro Caretta, Mirhiane Abreu, Anderson Magalhães, Lucia Ricotta, Paloma Vital, Markus Lasch. A reunião teve início com informes da coordenação sobre o cadastramento dos professores na pró-reitoria de pós-graduação da Unifesp conforme aprovado em nosso APCN; informe sobre a Plataforma Sucupira e a necessidade de doravante todos manterem seu Currículo Lattes atualizado semanalmente, pois este abastece a plataforma que, de tempos em tempos, fecha seu abastecimento para avaliação do Programa. A vice-coordenadora, profa. Sueli Fidalgo, informou sobre a formalização de convênios firmados com universidades estrangeiras, nomeadamente com o programa PAEC. Informou também sobre sua proposta de que nosso programa oferecesse uma disciplina parcial ou totalmente ministrada em língua inglesa. Houve intenso debate sobre esse item e ficou claro que tal oferta disciplinar é condição para que os programas conquistem pontos positivos na avaliação da Capes, por essa razão poderá ser oferecida no próximo ano em caráter eletivo ao pesquisador de nosso programa. A professora informou ainda sobre o convênio firmado e já enviado para publicação em Diário Oficial. Trata-se de convênio com a Universidade Estadual de Moscou, cujo trabalho principal são as pesquisas na teoria sócio-histórico-cultural e a teoria da atividade. Em função da assinatura desse acordo, os projetos de parceria já começaram a ser realizados. A professora comunicou ainda que, como parte do acordo iniciado com a Universidad Benito Juarez de Oaxaca, no México, ela tentará convidar um pesquisador a fazer um período de pesquisas de Mestrado em nosso programa, desde que sua bolsa seja oferecida pela Pró-reitora de pós-graduação e desde que aprovado pelos membros da CEPG presentes na reunião. Tendo sido aprovado, a Professora Fernanda sugeriu que, se a bolsa se tornasse viável, o Programa elaborasse um edital para ser enviado ao Programa de Oaxaca para com isso fazer uma seleção, uma vez que, como parte do Programa PAEC, os candidatos à bolsa não participam da seleção regular de cada programa. A Professora Ligia questionou a moradia do aluno quando estiver no Brasil. A Professora Sueli informou que investigou essa questão e que foi informada de que (1) eles recebem bolsa inicial da OEA, que também cobre o seu deslocamento e seguro saúde e odontológico; (2) a SRI fica responsável pela organização da acomodação do aluno uma vez no Brasil. A professora Renata informou que a SRI está em processo de análise de viabilidade orçamentária e de planejamento, visando eventual aluguel de uma casa em São Paulo para acomodar os alunos bolsistas e professores visitantes que veem do exterior. Com essa informação, os presentes aprovaram a solicitação da Pró-reitoria de Pós-Graduação de receber um candidato bolsista de país Latino Americano desde que haja bolsa para esse aluno. Em seguida, as atas das reuniões de janeiro, fevereiro e março foram aprovadas e serão postadas no site do programa. Foi amadurecida a conversa acerca da composição da prova de Estudos Literários que será incorporada ao processo de seleção presente: vários textos literários foram sugeridos, mas a composição final da prova ainda não ficou definida na reunião. Tendo em vista o sucessivo esvaziamento das reuniões do grupo, a professora Lígia Ferreira solicitou que a coordenação formulasse nova convocação de presença de todos os professores do programa nas próximas ações do grupo, invocando a necessidade de participação coletiva dos docentes. Todos concordaram com essa necessidade. O debate em torno à oferta de disciplinas dos dois próximos semestres letivos afigurou-se muito complexo tendo em conta as relações acadêmico-administrativas com a oferta de disciplinas da graduação de Letras e a inscrição dos candidatos. O grupo achou melhor esperar para ver quais seriam os temas dos projetos inscritos para deliberar sobre as eletivas que seriam oferecidas no primeiro semestre de 2015. No entanto, para o segundo semestre de 2014 já foi possível deliberar, ficando a divisão da seguinte forma: Estudos Linguísticos: metodologia: Sueli Fidalgo; Fundamentos: Sandro Silva; Eletiva: Tópicos em Linguística: Análise de Discurso: Anderson Magalhães; Estudos Literários: Poéticas e suas reapropriações; metodologia: Ligia Ferreira; Fundamentos: o Professor Markus Lasch seria consultado quanto a oferecer essa disciplina. A disciplina de Metodologia será oferecida conjuntamente pelas professoras Sueli Fidalgo e Ligia Ferreira. Em seguida, deliberou-se pela chamada de uma reunião extraordinária para debaterem-se alguns itens do processo de seleção e de oferta de disciplinas. A reunião foi encerrada às doze horas e trinta minutos.

Ações do documento